sábado, 12 de julho de 2008

papeira tem cura


Antevendo a sua visita à Austrália, o Papa pede perdão pelo abusos sexuais cometidos pelos padres e aproveita para criar crédito para os que serão feitos até à próxima visita. Aos poucos, o Vaticano vai reconhecendo uma triste vocação de muitos membros de uma comunidade, vetada à lei seca da castidade, na qual existem os maiores índices de pedofilia per capita de que há memória. Tal como no álcool ou nas drogas, as leis secas despertem nas almas apenas o grotesco; com a particularidade de no caso em análise, a necessidade de sexo ser algo inato na raça humana. A tentativa de eliminar essa necessidade (masturbação ou coito) por via do dogma, é uma alegoria da caverna hedionda.

5 comentários:

Anónimo disse...

que texto tão sério rapaz.
gostei do novo conteúdo da biblia da foto . hehe

maria madalena disse...

ó cristinho querido...que saudades...aquela tua túnica tipo boxers deixáva-me louca...

tó maria vinhas disse...

este cristo com óculos ray ban deve ser gay como todos aueles que usam essa marca...

prostituto das indevesas disse...

fui enraybanado e gostei

Dartacão disse...

hedionda....a Heidi comprou um Honda...só se foi por ter posado para a FHM...