quinta-feira, 25 de outubro de 2007

rancho folclórico


Militares da Força Aérea faltam às refeições em sinal de protesto. Tudo devido à trabalheira que têm para conseguir apagar os fogos com os F-16.
"-Só para a certar no incêndio a 2300Km/hora é um bico de obra!"
O mesmo se passa com os submarinos dos quais uma das potencialidades (de entre o oceano de retórica oficial) é permitir(extraído do site oficial da marinha) uma "Defesa avançada". Tal como no futebol, não há nada mais importante do que a defesa avançada.
"-Tem sido difícil apagar os fogos com o submarino, há muitas motas de água e não nos conseguimos aproximar da costa".
"-Temos também a questão do prestige, há sempre o perigo de um choque frontal. Aquilo está mal localizado; não puseram triângulo e o óleo escorrega"

O protesto ocorrido anteontem no Centro Operacional da Força Aérea de Monsanto teve uma adesão de 95 por cento. Os restantes 5% estavam numa marisqueira em Sesimbra e não sabiam do levantamento de rancho.
"-Rancho? Aqui não têm, mas se pedir eles fazem..."

1 comentário:

Conde Barão do Corvo disse...

Senhor arqui tecto-falso penso de que este post e a respoectiva ilustração da sua autoria é prestige...

Sem mais, os votos de boa semana:

Conde Barão do Corvo